Volta para o início... Quer entrar em contato comigo? Câmara dos Deputados Câmara dos Deputados Senado Federal


Quarta-feira, Março 23, 2005

Amanhecer da janela


22:38 | comentários (2)


Segunda-feira, Março 21, 2005

Passeio

Apesar de se falar que Brasília não foi projetada para pedestres - e em muitos aspectos não foi mesmo - podemos passear tranqüilamente com as crianças, quase no centro da cidade, por caminhos como este. Apesar de tudo, digam o que disserem, sou apaixonado por esse lugar!


15:28 | comentários (6)


Quinta-feira, Março 10, 2005

Um jornal deve ser politizado?

Há um tempo atrás, logo após o desligamento do Noblat do Correio Braziliense, o site fechou sua sessão principal ao acesso dos não assinantes. Ontem, recebi uma ligação do Correio, me "lembrando" que há séculos eu havia me registrado, enquanto o acesso ainda estava liberado, perguntando se eu não gostaria de assinar o Correio e ter novamente acesso à área restrita do site. Expliquei que não gostaria de assinar o jornal, não, porque não tinha gostado dos rumos que ele tinha tomado após a saída do Noblat.

- Mas o jornal estava muito politizado, o senhor não acha?
- Acho! E também acho que é assim que tem que ser!
- Mas o jornal não é apenas política, temos também os classificados, as seções de lazer, blá, blá, blá...
- Não, obrigado, eu acho que um jornal tem que ser bem politizado!

Dicas de cinema, lazer, eu encontro fácil em qualquer lugar. Acho que um jornal tem, sim, que ser muito politizado, meter o nariz onde nós pobres mortais não temos acesso. É claro que não é só isso, mas é principalmente isso. Quando o Correio começou a marcação acirrada em cima dos governos locais, eu pensei: agora sim os jornais estão saindo da passividade herdada da ditadura e retomando seu papel de denunciar e até fiscalizar. O jornal estava batendo pesado, denunciando, divulgando gravações de conversas "esquisitas" entre governadores e seus lacaios.

Mas os poderosos não gostaram e forças sinistras removeram os editores de seus lugares, disseram até que certo governador havia comprado parte do jornal para ele. Agora o Correio voltou à passividade, num retrocesso triste.

Não, prefiro ler o blog do Noblat.

09:14 | comentários (4)


Quarta-feira, Março 09, 2005

A assinatura no cartão

É engraçado ver como as pessoas não estão preparadas para lidar com situações de exceção, mesmo quando estão ou deveriam estar treinadas ou pelo menos instruidas para elas.

Ano passado, quando nossos cartões de crédito foram renovados, eu e a Nessa, por descuido, assinamos um no cartão do outro. Com preguiça de pedir novos cartões, resolvemos deixar como estava' pra ver no que daria.

Bem, desde lá em apenas 3 vezes a pessoa que passou o cartão conferiu a assinatura. Em 1 ela nem percebeu que as assinaturas do cartão e do recibo eram completamente diferentes. Nas outras 2 as atendentes perceberam, vacilaram um pouco, mas não tiveram coragem de dizer um 'A' sobre a diferença.

Então tá, aquilo não serve pra nada, mesmo. Mesmo assim, toda vez que faço uma compra no cartão, fico naquele suspense pensando: "será que é agora que eu vou ser pego???"

18:04 | comentários


Sexta-feira, Março 04, 2005

Supermag. Superdemais!

Outro dia, na casa da minha mãe, encontrei uma caixinha de isopor despretensiosamente largada em uma estante. Fui dar uma olhada e encontrei algumas barrinhas verdes e umas bolinhas de metal. Pensei: "será?". E era! As barrinhas de metal eram imãs. Com as barras e as bolas podemos formar estruturas as mais variadas.

O brinquedo se chama Supermag, grande sacada de uma tal de PlastWood. Meu pai descobriu na banca de revistas da UnB, que está trazendo uns fascículos sobre o brinquedo. Em cada número uma caixinha como essa aí de baixo.

É viciante! Eu sempre fui fascinado por imãs, que é, na minha opinião, uma das coisas que mais se aproximam da mágica, na nossa percepção. Já estou atrás de limalha de ferro, para mostrar para as meninas os padrões do campo magnético do imã e as formas geradas pelas diversas estruturas construídas.

Obviamente, já passei uma cantada no papai e na mamãe e já ganhei 4 caixinhas. Com mais uma que comprei, já tenho 5 :-) Meu sonho de consumo já é um estojão com 1666 peças. Só que o preço é salgaaaaado... US$1.100,00. Fica pra depois ;-)

Ah, as caixinhas estão sendo vendidas aqui a R$15,00. Estou achando até estranho, porque o preço que está no site é de US$12,00. Quem quiser, é bom se apreçar, porque a mamata pode acabar ;-)

Pra dar água na boca, encontrei um site sobre o brinquedo e uma galeria com muitas construções legais, de onde foram tiradas essas imagens. 10!

08:46 | comentários (10)


Quinta-feira, Março 03, 2005

FRIO

CARAI, VÉI! Pergunta se faz FRIO!

Indicação do Lost Art.

10:06 | comentários


Diploma, educação, trabalho infantil. Sim ou não?

Voltou à tona uma discussão muito instigante que comçou no Circulando há mais de 2 anos, continuou aqui e agora voltou à origem, com a publicação, pelo Cláudio, de um texto do Maurício Gois sobre os valor de um diploma: Conhecimento não é mais poder.

O papo começou com a publicação de um texto onde o Cláudio dizia ser a favor do trabalho infantil como solução para a situação de pobreza do Brasil (agora republicado aqui)

Agora o papo vai pelo caminho da necessidade ou não de ensino básico para as crianças e que ensino seria esse. Se quiser dar pitaco, vá em frente...

09:30 | comentários






Zamorim
Alta Rotação
Álbum Digital
Criação Digital
Zamorim Futebol de Botão
Para jogar com papel e caneta
Zé Povão




imagens aleatórias::
www.flickr.com


leia e veja::
Unforgettable (patinação)
A Borboleta
Meus papeis de parede ;-)
A melhor coisa do mundo!
Um Ovário no Cisto

na minha caixa postal::
Boot
Quem é xiita?
Ensina teu filho
Resposta Casseta!
O Mundo Para Todos!
Mais textos...

ajuda::
Sobre o site
Sobre mim

contato::
Imeiou

arquivo::
2017:

2016:

2015:

2014:

2013:

2012:

2011:

2010:

2009:
10/8/4/3/1
2008:
9/8/7/6/1
2007:
12/11/10/9/4/3/2/
2006:
11/10/8/4/2/1
2005:
12/11/10/9/8/7/6/5/4/3/2/1
2004:
12/11/10/9/8/7/6/5/4/3/2/1
2003:
11/10/9/8/7/6/5/4/3/2/1
2002:
12/11/10/9/8/7/6/5/4/3/2/1
2001:
12/11/10/9/8/7/6/5/4/3/2/1
2000:
12/11/10/9/8/7/6/5/4/3/3+



para fora do site

feitos por mim::
Academia Alta Rotação
Bola Quadrada
Débora Amorim
Desconforme.com

brinquedinhos::
Álbum no Flickr
ET Brasil
SETI@Home P-Stats
MyBookmarks
Horizontes  (os meus)

do mundo físico::
Adriano Souza
Ana Paula
Ana Paula (fotos)
Débora Amorim
Lêda Margarida
Marcos Sebastian Alsina
Mariana
Nathália
Roberto Moriyama

diariamente ou não::
A List Apart
AlterNet: Top Stories
Burburinho
CliqueMusic
Communication Arts
Computerworld
Correio Braziliense
ei: Electronic Intifada
Em Tempo Real
ESA Science
Estadao
Info Exame
JB Online
MusicExpress
NASA Human Spaceflight
New Scientist
no mínimo
Nova-e
O Globo Online
Reporters without borders
Scientific American Brasil
SPACE.com
Spaceflight Now
The Fray
Universe Today
Visão Crítica
Web Insider

weblogs que leio (ou tento)::
Blog do Cristovam
Blog do Sena
Circulando.com
c o l a g e m
CrisDias
D i z e m. . .
Feira Moderna
Imprensa Marrom
Interludio.net
Lost Art Updates
Marcelo Cabral
Marketing Hacker
Matchbox
Mothern
no mínimo | Weblog
Os melhores do Mundo
Pensar Enlouquece...
Powazek productions
Ricardo Noblat
Terceira Base
The Chatterbox
The Daily Report
WowBlog

fotologs::
Bigempty
Daily Dose of Imagery
Chicaco Snapshot
Chromasia
Ephemera
Ficções do Interlúdio
Groundglass
Joe's NYC
New York Photoblog
Phutojunkie
Positive Negative
rion.nu
Satan's Laundromat
Shutterbug
Visual Resistance
Whateverland

brasília no flickr::
Brasília (tags)
Brasilia (tags)
Brasília (pool)
Andressa Reze
bom_de_ver
dimasmjunior
Fabio Cherman
Josa Jr
leonart
negativz
MrPixel
Quereco
The Girl Is Drinking Tea
virgu.lino

créditos e agradecimentos::
Blogger
BlogTree
Extreme Tracking
W.Bloggar



Inclui no Bloglines